carreira de corretor de imóveis

Conheça dicas importantes para desenvolver sua carreira no mercado imobiliário.

Trabalhar com o mercado imobiliário é uma profissão que exige muito desejo de conquistar bons resultados em negociações e, sobretudo, capacidade técnica.

Um bom corretor imobiliário, além desses critérios, também precisam trazer consigo alguns diferenciais, como valores pessoais que lhe darão um nome no mercado, como esforço, resiliência, idoneidade, honestidade, dentre outros.

Por ser um setor da economia que envolve quantias elevadas de dinheiro, um consultor de imóveis especializado será aquele que irá avaliar um imóvel de acordo com seu estado de conservação, se os materiais utilizados nos acabamentos possuem bom padrão de qualidade e, especialmente, se sua localização é valorizada para determinar o valor de mercado ao qual será colocado à venda ou locação.

A profissão de corretor de imóveis

Além de saber avaliar um imóvel, o profissional do setor imobiliário deve reunir bons conhecimentos no que se refere às questões burocráticas e também contratuais que envolvem estas transações.

A profissão de corretor de imóveis

Um exemplo que pode ilustrar um atrativo interessante desta profissão é o fato de proporcionar a possibilidade de se trabalhar de qualquer lugar e com horários flexíveis, fora do horário comercial e, inclusive, aos finais de semana.

Este é um atrativo que muitas imobiliárias em Porto Alegre e em muitos locais do Brasil proporcionam aos seus corretores.

O ponto forte desta diferenciação é um elemento que permite que muitos profissionais de outras áreas trabalhem como corretores de imóveis, por exemplo, para aumentar a renda familiar sem abandonar sua carreira original. Até mesmo, porque a carreira de corretor de imóveis atrai muita gente em função das comissões obtidas nas transações imobiliárias.

Contudo, é importante destacar que este profissional dificilmente tem um salário fixo. Nem mesmo as imobiliárias garantem um rendimento mínimo por mês. A remuneração do corretor depende quase totalmente da comissão sobre os contratos fechados. Para que obtenha sucesso, ele deverá ter muito esforço e bons resultados.

Importância da regulamentação

Importância da regulamentação

A profissão de corretor de imóveis é regulamentada e exige formação específica.  Para isso, o interessado precisa obter um registro no Conselho Regional de Corretores de Imóveis (CRECI) para começar a atuar na venda ou locação de quaisquer tipo de imóveis, sejam casas para alugar ou mesmo apartamentos em Porto Alegre, por exemplo. Para requerer o registro é preciso ter formação na área.

Mesmo que um interessado já tenha adquirido um diploma universitário ou técnico em outra área, é necessário fazer um curso específico para requerer o registro. Há três tipos de formação que você pode fazer para se tornar um corretor de imóveis (curso técnico, tecnológico ou bacharelado).

Cursos para se tornar um Corretor Imobiliário

O curso Técnico de Transações Imobiliárias é reconhecido pelo Ministério da Educação (MEC) e integra o grupo de cursos de nível médio da área de Gestão e Negócios.

Cursos para se tornar um Corretor Imobiliário

Ele tem duração média de um ano e prepara o profissional para atuar na compra, venda e locação de imóveis. Os estudantes aprendem sobre a documentação necessária em cada tipo de operação, a legislação e parâmetros de uso e ocupação de imóveis.

No caso dos cursos chamados de Negócios Imobiliários ou Gestão Imobiliária também preparam corretores de imóveis para todo tipo de negociação, como por exemplo, agilidade ao fechar um contrato para uma casa para alugar em Porto Alegre. Eles formam tecnólogos e garantem um diploma de nível superior.

Já os cursos tecnológicos são uma graduação com duração mais curta, de 2 a 3 anos. Além de ensinar os estudantes sobre a parte prática e legal da profissão, o currículo vai mais longe que o da formação técnica.

Ele conta com disciplinas que preparam os alunos para avaliar o mercado com mais profundidade. Há diversas universidades que oferecem esta formação com reconhecimento do MEC.

Por fim, também existe curso superior de grau bacharelado em Ciências Imobiliárias. Ele é presencial e dura quatro anos e meio, sendo ainda uma novidade no Brasil. Seu currículo é bastante completo e multidisciplinar. Os alunos estudam muito sobre Gestão, e têm contato também com disciplinas como História, Psicologia e Sociologia – o que lhes garante uma formação global para atuação no mercado.

Como obter o registro no CRECI

Como obter o registro no CRECI

O CRECI está presente em todos os estados do Brasil e funciona como o órgão regulamentador da profissão de corretor de imóveis. Depois de concluir sua formação, você deve se dirigir ao CRECI da sua região para iniciar o processo de emissão do registro profissional, chamado Pedido de Inscrição de Pessoa Física.

A documentação necessária pode variar de um estado para outro. No geral, é necessária a apresentação dos seguintes documentos:

  • Carteira de Identidade
  • CPF
  • Título de eleitor c/ comprovante de votação da última eleição
  • Certificado de reservista, para homens de até 45 anos
  • Comprovante de residência recente
  • Diploma do curso técnico ou de nível superior
  • Comprovante de conclusão do ensino médio
  • Fotos 3×4 (a quantidade varia em cada estado)
  • Comprovante de pagamento da anuidade, emolumentos e taxa expedida pelo CRECI

O requerimento de inscrição é avaliado pelo Conselho da entidade, que deve aprovar a emissão do registro. O documento costuma ficar pronto entre 30 e 60 dias.

As principais funções do corretor de imóveis

funções do corretor de imóveis

Os profissionais habilitados junto ao CRECI podem desempenhar diferentes funções, como trabalhar na venda ou locação de imóveis novos ou usados, em imobiliárias ou como profissional autônomo.

Além disso, poderão atuar na captação de novos negócios, procurando imóveis adequados a uma necessidade específica sob pedido de clientes em potencial.

Um corretor também pode prestar serviços como avaliador de imóveis, ter sua própria imobiliária e atuar como correspondente imobiliário da Caixa Econômica Federal, podendo oferecer financiamentos através dos programas da instituição.

Como se tornar um bom corretor de imóveis em Porto Alegre

Como se tornar um bom corretor de imóveis em Porto Alegre

Em linhas gerais, para que alguém possa se dar bem na carreira de corretor, é necessário que saiba dominar os aspectos técnicos e a legislação da área, além de ter bastante habilidade em negociação, uma boa comunicação, boas relações com suas redes de contatos, além de saber identificar as reais necessidades do cliente e sua expectativa. Trazendo ao mercado esse leque de possibilidades, certamente se destacará!

Em Porto Alegre, vale a pena dizer que um corretor imobiliário de destaque também será aquele capaz de apreciar a cidade, suas tradições, cultura, e puder negociar com os clientes acompanhado de um bom chimarrão!

Agora que você conheceu um pouco mais sobre as características de um bom corretor de imóveis, que tal compartilhar este post em suas redes sociais, para que mais pessoas possam conhecer um pouco mais sobre a possibilidade de seguir a carreira de corretor de imóveis!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *